Social Media

Perfil pessoal x Fan Page, o que é ideal para uma empresa?

09/07/2014
Post-Perfil-pessoal-x-Fan-Page (1)

Há regulamentações e características que explicam por que sua empresa deve criar uma fan Page!

Muitas empresas aderem ao facebook para conquistar mais clientes e garantir uma ponte com os consumidores efetivos da marca, a maioria foca em conteúdos criativos e contato eficiente. No entanto, algumas instituições não sabem como usar essa rede social e acabam criando um perfil pessoal ao invés de uma fan Page, que é o correto tanto no âmbito de regulamentação como nos resultados para a marca.

A seguir colocaremos os três motivos pelos quais você não pode cometer esse erro e qual será sua “punição” caso entrar no Facebook como pessoa física quando, na verdade, é uma empresa.

1)    “de acordo com a declaração de direitos e responsabilidades, os perfis do Facebook devem representar um indivíduo. Não é permitido que os usuários mantenham uma conta sob o nome de uma organização ou usem contas pessoais para fazer propaganda ou promovê-los profissionalmente”. Esse termo deixa transparente para as marcas que perfis só podem representar um indivíduo, ou seja, pessoas que estão em busca de outras pessoas a partir de relacionamentos e não de negociações, como é o caso das instituições.

 2)    As características do perfil pessoal são direcionadas para os usuários: as pessoas são adicionadas como amigas, colegas (há uma classificação para o grau de intimidade com o outro), o máximo de adicionados é 5.000 (reduzindo a expansividade da marca), a personalização desse tipo de perfil é limitada. Analisando os critérios da sua instituição você poderá perceber que é um erro criar um perfil pessoal para ela.

 3)    Caso insista na ideia, há um motivo maior pelo qual você irá desistir. Poderá surgir denúncias contra sua empresa e consequentemente o perfil será excluído. Por que isso acontece? Bom, ao criar um perfil pessoal para uma instituição privada e adicionar indivíduos como “amigos” haverá uma poluição da rede social a partir de spams no canal de mensagens privadas e no feed de notícias. Conteúdos com os quais, talvez, os usuários “amigos” da empresa não se identifiquem e não queiram receber.

 Mesmo tendo cometido esse equívoco há como revertê-lo. A migração do perfil pessoal para a fan Page é possível, entretanto, somente os amigos – que são convertidos em fãs – e as fotos são reutilizados. O mural terá todos os seus posts excluídos automaticamente. Então, terá que começar praticamente do “zero” a página. O planejamento também é imprescindível para bons resultados.

Por esses fatores, é importante procurar um profissional especializado na direção das mídias sociais, assim, as chances de crescimento da sua marca através dessas ferramentas são maiores.

O ICQ se renova para competir com o WhatsApp
5 Dicas para montar uma campanha de remarketing

Comentários

comments

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply

Close
Please support the site
By clicking any of these buttons you help our site to get better