E-commerce Marketing Digital Notícias

E-commerce: os clientes não abandonarão as lojas físicas

13/02/2015
safe_image

Ao contrário do que prevê os pessimistas, a conexão na internet não afasta os clientes das lojas físicas, pelo contrário, aproxima e cria uma nova relação com os consumidores. Se antes o cliente ia até a loja para arriscar a sorte sobre os produtos que tinham no estoque, hoje em dia ele já consegue ver o estoque, consulta outros modelos, vê o que há e o que está em falta na loja, além de consultar o telefone e endereço para tirar algumas dúvidas. A relação desse novo cliente não mudou, evoluiu.

Uma pesquisa feita pelo Google, Ipsos MediaCT e Sterling Brands revela que as pessoas buscam mais informações antes de ir à loja física e que gostariam de ter experiências customizadas durante suas compras. Dois em cada três consumidores que procuraram informações dentro da loja disseram não encontrar o que queriam e 43% foram embora frustrados. Essa pesquisa teve o intuito de desmistificar alguns mitos dessa evolução tecnológica. Confira abaixo o resultado.

Informações on-line impulsionam compras nas lojas físicas?

Um dos mitos é a história de que os links direcionariam os clientes diretamente para os sites de e-commerce. Na verdade, o resultado da pesquisa é uma forma poderosa de levar os consumidores também às lojas físicas, já que após encontrarem informações na web sobre as lojas os clientes ficarão mais confortáveis, pois saberão a disponibilidade do produto, localização da loja e preços.

Um bom exemplo é o site Macys.com, que investe em anúncios segmentados para mostrar aos consumidores as lojas mais próximas. Apenas quando as informações não estão claras para os clientes é que eles poderão acabar afastando-se.

O smartphone é o seu melhor parceiro de vendas

Outro mito de venda é que quando os clientes começam a olhar para os seus smartphones nas lojas, o varejista perde a sua atenção. Se o varejista ajudar o cliente através de resultados de busca, sites móveis ou aplicativos, ele conquistará sua confiança e garantirá sua venda.

Um exemplo é a Sephora, que está utilizando o mobile para proporcionar uma experiência diferenciada nas lojas. A marca percebeu que seus clientes encontram com mais facilidade os produtos nos seus smartphones do que diretamente no espaço físico. Com isso, a empresa criou o Sephora App para auxiliar os usuários com informações sobre os produtos, além de avaliações e comentários.

Loja customizada online

Há quem diga que os clientes apenas vão as lojas para fazer as transações financeiras. Na verdade, os clientes vão as lojas em diversos momentos e esperam encontrar experiências customizadas: 85% estariam mais propensos a comprar em locais que oferecem cupons personalizados e ofertas exclusivas. Os consumidores preferem comprar em lojas que sugerem recomendações específicas (64%) e informam o que seus amigos e familiares compraram (54%).

Os varejistas podem oferecer promoções para os consumidores comprarem em lojas próximas. Além disso, eles também poderiam disponibilizar alternativas de satisfação como entrega domiciliar sem custo adicional, caso o produto de interesse não esteja disponível em estoque. As opções são diversas e variadas, mas é preciso colocá-las em prática.

Tendências tecnológicas procurados pelos usuários no Google
Microscópio de bolso

Comentários

comments

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply

Close
Please support the site
By clicking any of these buttons you help our site to get better